Reino Unido

Internacional Boris Johnson cancela viagem após parente contrair Covid-19

Boris Johnson cancela viagem após parente contrair Covid-19

Primeiro-ministro britânico enfrenta escândalo político por ter participado de uma festa durante o período de lockdown

AFP
O primeiro-ministro britânico Boris Johnson é visto saindo de Downing Street, em Londres

O primeiro-ministro britânico Boris Johnson é visto saindo de Downing Street, em Londres

Tolga Akmen/AFP - 12.01.2022

O primeiro-ministro britânico Boris Johnson cancelou uma viagem ao norte da Inglaterra nesta quinta-feira (13) após um parente dele contrair Covid-19, informou Downing Street um dia depois de o líder se desculpar por uma festa realizada durante o lockdown.

"O primeiro-ministro não visitará Lancashire hoje porque um de seus familiares testou positivo para o coronavírus", anunciou um porta-voz de Downing Street.

Na Inglaterra, as pessoas totalmente vacinadas não precisam mais ficar em quarentena após entrarem em contato próximo com uma pessoa infectada. Mas são aconselhadas a limitar o contato próximo com outras pessoas fora de seu núcleo familiar.

Johnson mora em um apartamento oficial de Downing Street com sua esposa, Carrie, e dois filhos pequenos.

Para seus críticos, o cumprimento das normas por parte do primeiro-ministro contrasta com sua participação em uma festa nos jardins de Downing Street em maio de 2020, quando o Reino Unido estava sob estrito confinamento.

Depois de dias tentando evitar o escândalo, nesta quarta-feira (12) Johnson expressou suas "sinceras desculpas" aos milhões de britânicos que respeitaram o confinamento mesmo ao custo de não poderem se despedir de seus parentes que morreram devido ao coronavírus.

Os três principais partidos da oposição britânica, e alguns parlamentares das próprias fileiras conservadoras de Johnson, estão exigindo sua renúncia.

Últimas