Internacional Brasileira registra início do incêndio na Catedral de Notre-Dame

Brasileira registra início do incêndio na Catedral de Notre-Dame

Mineira estava na porta da igreja quando as pessoas começaram a evacuar o local; segundo ela, os bombeiros demoraram quase meia hora para chegar

Camila (à direita) e a família tiraram foto no momento que a fumaça ficou forte

Camila (à direita) e a família tiraram foto no momento que a fumaça ficou forte

Camila Serakides / Arquivo Pessoal - 15.4.2019

A autônoma mineira Camila Serakides estava na porta da Catedral de Notre-Dame, quando começou o incêndio que destruiu a igreja mais famosa de Paris, no início da noite desta segunda-feira (15). Em entrevista ao R7, ela contou que viu o prédio ser evacuado e diz que o corpo de bombeiros demorou demais para chegar ao local.

"Estava na porta, conversando com um amigo, quando vi muita gente saindo lá de dentro. Achei que estavam saindo da missa, mas notei que saíam com pressa, aí vi a fumaça mais forte. O incêndio começou lá no alto, então acho que ninguém foi afetado", explicou.

Camila foi a Paris para participar da maratona da cidade, no último domingo (14) e aproveitou o dia para passear com os pais, o irmão e o filho pequeno. Só não imaginava que iria testemunhar a destruição de um monumento histórico.

"A polícia evacuou o local rapidamente. Só achei que os bombeiros levaram tempo demais para chegar, quase meia hora. Achei isso bem precário, demorou muito, as chamas foram consumindo tudo, caiu o teto, as labaredas foram consumindo tudo", lamentou.

Fotos: Veja imagens da Catedral de Notre-Dame em chamas

A brasileira também fez diversos registros em vídeo do início do incêndio. Assista abaixo.