Internacional Centenas de soldados afegãos se entregam aos talibãs

Centenas de soldados afegãos se entregam aos talibãs

Grupo iniciou uma ofensiva quando foi iniciada a retirada das tropas estrangeiras e conquistou diversas capitais de província

AFP
Talibã iniciou uma ofensiva no Afeganistão desde o início da retirada das tropas internacionais

Talibã iniciou uma ofensiva no Afeganistão desde o início da retirada das tropas internacionais

AFP

Centenas de integrantes das forças de segurança afegãs que estavam entrincheirados perto do aeroporto de Kunduz, no nordeste do país, após a queda da cidade nas mãos dos talibãs no fim de semana, se entregaram aos insurgentes nesta quarta-feira (11).

"Centenas de soldados, policiais e membros das forças de resistência (milícias) que estavam posicionados perto do aeroporto se renderam aos talibãs com seus suprimentos", disse Amruddin Wali, membro do conselho provincial de Kunduz.

"A maioria dos soldados que estavam no aeroporto se renderam", confirmou à AFP um soldado que estava na área e pediu anonimato. "Os talibãs nos cercaram, atiraram obuses. Não havia maneira de responder", justificou.

"Minha unidade, com 20 soldados, três 'Humvee' (veículo militar 4x4) e quatro caminhonetes acaba de se entregar. Estamos esperando que entreguem nossa carta de perdão. Há uma longa fila", acrescentou.

Os talibãs iniciaram uma ofensiva em maio, aproveitando o início da retirada final das tropas estrangeiras do país, que deve ser concluída em 31 de agosto. Desde então, os insurgentes assumiram o controle de amplos territórios rurais sem enfrentar muita resistência. O avanço acelerou nos últimos dias com a tomada de vários centros urbanos.

Os talibãs já controlam nove das 34 capitais provinciais do Afeganistão. Todas caíram como peças de dominó, incluindo sete cidades do norte do país, uma região que sempre havia resistido aos insurgentes.

Últimas