Internacional Chile registra menos de mil casos de covid pela 1ª vez desde outubro

Chile registra menos de mil casos de covid pela 1ª vez desde outubro

País possui 77% da população-alvo vacinada e tem taxa de infecções inferior a 3% pelo terceiro dia consecutivo

Agência EFE
Chile registra taxa de infecções inferior a 3% pelo terceiro dia consecutivo

Chile registra taxa de infecções inferior a 3% pelo terceiro dia consecutivo

EFE/ Elvis González

O Chile reportou nesta terça-feira (20) menos de mil novos casos de covid-19 pela primeira vez desde outubro de 2020, além de uma taxa de infecções inferior a 3% pelo terceiro dia consecutivo, números que evidenciam que a pandemia está sendo amenizada no país, onde cerca de 77% da população-alvo já foi totalmente vacinada.

Nas últimas 24 horas foram confirmados 902 casos da doença e 30 novas mortes, elevando para 1,6 milhão o total de contágios desde o início da pandemia, com 34.569 óbitos por covid-19.

Depois de três meses de uma grave segunda onda, que levou o sistema hospitalar à beira do colapso, os contágios e internações em unidades de terapia intensiva (UTI) caíram drasticamente.

Foram contabilizados 1.970 pacientes internados em UTIs nas últimas 24 horas, o que significa que há mais de 500 leitos livres para casos críticos, o número mais alto nos últimos meses.

Diante da melhora na situação epidemiológica, desde a quinta-feira passada o país encara a pandemia com medidas menos rígidas e mais vantagens para os vacinados, que poderão ir a acedemias, teatros e cinemas na maior parte do país.

Leia mais: França suspende uso de máscara em cinemas, museus e estádios

Santiago vive sua primeira semana sem quarentena obrigatória de sexta-feira a domingo desde março, asism como outros sete municípios.

Com um dos processos de vacinação contra a covid-19 mais bem-sucedidos do mundo, o Chile já vacinou com duas doses quase 77% da população-alvo, enquanto 85% receberam uma dose.

Últimas