Internacional China confirma morte de dez das 22 pessoas presas em mina de ouro

China confirma morte de dez das 22 pessoas presas em mina de ouro

Mineiros ficaram presos no local por duas semanas, depois de explosão. 11 pessoas foram resgatadas e 1 está desaparecida

  • Internacional | Da EFE

China confirma a morte de 10 dos 22 mineiros presos em mina de ouro

China confirma a morte de 10 dos 22 mineiros presos em mina de ouro

cnsphoto via REUTERS - 24.1.2020

As autoridades da China confirmaram nesta segunda-feira (25) a morte de dez dos 22 mineiros que ficaram presos há duas semanas após a explosão de uma mina de ouro em construção no país, enquanto uma ainda está desaparecida, informou a imprensa local.

Ontem, 11 mineiros foram resgatados, deixando um desaparecido dos 22 que ficaram presos no último dia 10, após uma explosão em um complexo de mineração em construção na província oriental de Shandong.

As equipes de resgate disseram na sexta-feira que pode levar mais de duas semanas para remover os mineiros, tempo que levaria para perfurar um poço através do qual resgatar os sobreviventes.

No entanto, um obstáculo que bloqueava o local cedeu abruptamente ontem, segundo o jornal Global Times, tornando o salvamento mais fácil.

A dificuldade do trabalho de resgate deveu-se também ao fato de que os responsáveis pela mina só informaram às autoridades 30 horas após o ocorrido, o que já levou à prisão de várias pessoas, à demissão dos dois principais políticos da região e a abertura de uma investigação oficial sobre o incidente.

Últimas