China

Internacional  China: sobe para 58 o número de mortes em inundações

 China: sobe para 58 o número de mortes em inundações

Chuvas torrenciais que atingiram a região central do país afetaram pelo menos 7,5 milhões de pessoas 

Agência EFE

O número de mortos nas enchentes provocadas por chuvas torrenciais nos últimos dias na província de Henan, região central da China, subiu para 58, enquanto cinco pessoas seguem desaparecidas, informou neste sábado a agência de notícias estatal "Xinhua".

Na sextas-feira (23), a imprensa estatal havia registrado 51 mortes na cidade de Zhengzhou, capital de Henan.

China se prepara para o tufão In-Fa após inundações devastadoras

Na mesma cidade, segundo a agência de notícias chinesa Xinhua, as operações de resgate continuam em um túnel rodoviário que foi inundado pelas chuvas com "muitos veículos presos desde terça-feira" e onde "o número de vítimas ainda não foi confirmado".

Segundo a fonte, mais de 7,5 milhões de pessoas foram afetadas pelas fortes chuvas e as consequentes inundações, das quais cerca de 920 mil foram encaminhadas para um local seguro.

Além disso, a imprensa estatal chinesa também relatou danos a 576,6 mil hectares de plantações e o desmoronamento de mais de 3,8 mil casas em Henan até o momento.

Em Zhengzhou, a rede de telecomunicações foi restaurada e os serviços de emergência seguem atuando não apenas nos trabalhos de resgate, mas também para consertar a infraestrutura danificada pelas enchentes.

Enquanto a capital provincial continua seu lento regresso à normalidade após as cenas chocantes da última terça, o norte de Henan foi o mais atingido por tempestades das últimas horas.

Últimas