Cirque du Soleil aceita oferta de recapitalização de credores

Acordo injetará até 375 milhões de dólares no Cirque du Soleil, que está em crise financeira, disse uma fonte familiarizada com o assunto

Cirque du Soleil ensaia em Hangzhou, na China

Cirque du Soleil ensaia em Hangzhou, na China

REUTERS/Aly Song - 08/07/2020

O Cirque du Soleil aceitou uma oferta de recapitalização de seus credores na quinta-feira, depois que um acordo anterior com acionistas, incluindo TPG Capital e Fosun International, foi rejeitado pelos credores.

O credor Catalyst Capital Group disse que a empresa de entretenimento aceitou a “oferta inicial” por seus ativos.

Trata-se da oferta inicial sobre os ativos de uma empresa em risco de falência por um comprador interessado, escolhido pela própria empresa com problemas. A oferta inicial deve ser superada por outras companhias interessadas, se quiserem comprá-la.

O acordo injetará até 375 milhões de dólares no Cirque du Soleil, que está em crise financeira, disse uma fonte familiarizada com o assunto.

A empresa de Montreal, que cresceu de uma trupe de artistas de rua na década de 1980 para uma empresa com alcance global, cortou cerca de 95% de sua força de trabalho e suspendeu as apresentações devido à pandemia. A empresa entrou com uma ação de proteção judicial contra credores na segunda-feira.

(Por Allison Lampert em Montreal; reportagem adicional de Uday Sampath em Bengaluru)