Colômbia tem mais de 10 mil casos diários de coronavírus pela 1ª vez

Segundo autoridades, o país chegou a 267.385 contágios pelo vírus desde o começo da pandemia, enquanto o número de óbitos subiu para 9.074

Colômbia mantém quarentena frente a alta de novos casos

Colômbia mantém quarentena frente a alta de novos casos

USR_PMU - EFE/EPA 28.07.2020

A Colômbia registrou 10.284 novos casos de coronavírus nesta terça-feira, primeiro dia em que o número de infecções passou de 10 mil, e confirmou mais 297 mortes por covid-19, segundo números do Ministério da Saúde.

De acordo com as autoridades, o país vizinho chegou a 267.385 contágios pelo vírus SARS-CoV-2 desde o começo da pandemia, enquanto o número de óbitos subiu para 9.074.

A pandemia está crescendo especialmente em Bogotá, onde apesar dos esforços e campanhas de prevenção das autoridades, hoje houve 4.552 infectados, e 85 mortes foram confirmadas. Com isso, o total na capital colombiana desde o início da crise sanitária é de para 91.408 e 2.392, respectivamente.

As autoridades da cidade estão preocupadas com a ocupação dos leitos de terapia intensiva. Entre os 1.479 à disposição, estão em uso 1.349, ou seja, 91,2%.

Panorama

Segundo o Ministério da Saúde, há 121.032 casos ativos na Colômbia, representando 45,27% do total de infecções confirmadas. Por outro lado, com 5.529 pacientes recuperados hoje, são 136.690 pessoas curadas da covid-19 —51,12% dos contagiados.

Além de Bogotá, onde são esperados 100 mil casos, as áreas com mais infecções no país são Atlántico (50.212), Antioquia (27.226), Valle del Cauca (22.731), Bolívar (17.363), Cundinamarca (7.458), Nariño (7.256), Sucre (5.663), Magdalena (5.645) e Córdoba (4.841).

O prefeito de Medellín, Daniel Quintero, anunciou nesta terça-feira que deu positivo em um teste de coronavírus e que cumprirá seu mandato isoladamente em um PMU (Posto de Comando Unificado) que ele adaptou com tecnologia para continuar governando. Ele disse estar assintomático e com boa saúde.