Coronavírus: Japão alerta sobre viagens para Coreia do Sul e Itália

O país elevou seus níveis de aconselhamento sobre doenças infecciosas para partes da Coreia do Sul e Itália, alertando seus cidadãos

Governo japonês tenta conter disseminação de surto de covide-19

Governo japonês tenta conter disseminação de surto de covide-19

EFE/EPA/JIJI PRESS JAPAN

O Japão elevou neste domingo (1) seus níveis de aconselhamento sobre doenças infecciosas para partes da Coreia do Sul e Itália, alertando seus cidadãos a não viajarem para regiões de Daegu e Cheongdo da Coreia do Sul e evitar viagens não urgentes a determinadas áreas na Itália devido ao surto de coronavírus.

Leia mais: Japonesa testa positivo pela 2ª vez para coronavírus

Até ontem (29), o governo japonês havia dito à população que não fizesse viagens não urgentes a Daegu e Cheongdo, ao mesmo tempo que aconselhou que viajantes em potencial da Lombardia, Veneto e Emilia Romagna, todas cidades da Itália, fossem cautelosos.

O próprio Japão está enfrentando um surto doméstico crescente de coronavírus e o primeiro-ministro, Shinzo Abe, pediu na quinta-feira (27) que todo o sistema escolar do Japão, do ensino fundamental ao ensino médio, feche de 2 de março até suas próximas férias de primavera no final do mês para ajudar a conter o surto.