Internacional Covid-19: Alemanha registra mais de 4,7 mil casos em 24 horas

Covid-19: Alemanha registra mais de 4,7 mil casos em 24 horas

Esta é a maior marca diária desde meados de abril; número de infecções no país desde o início da pandemia já é de 319.381

Centros urbanos, como Berlim e Frankfurt, são o principal foco de preocupação

Centros urbanos, como Berlim e Frankfurt, são o principal foco de preocupação

Freepik

O número de novos casos de covid-19 na Alemanha ultrapassou os 4,7 mil neste sábado (10), a maior marca diária desde meados de abril. Os distritos considerados de risco também registraram um aumento de infecções: 50 por 100 mil habitantes em sete dias.

Nas últimas 24 horas, foram reportadas 4.721 infecções e 15 mortes, informou neste sábado o Instituto Robert Koch. O número casos e óbitos no país desde o início da pandemia já é de 319.381 e 9.604, respectivamente.

Os dados confirmam a contínua progressão ascendente de casos nas últimas semanas, sobretudo nos últimos dias. Nesta quarta-feira (7), o número de novas infecções foi superior a 2,8 mill; na quinta-feira (8), ultrapassou 4 mil; e na sexta-feira, foi maior que 4,5 mil.

O pico de infecções na Alemanha no auge da pandemia, entre o final de março e o início de abril, foi de cerca de 6 mil diários.

A chanceler Angela Merkel alertou nesta sexta-feira, após reunião com prefeitos das 11 principais cidades do país, que os centros urbanos são o foco principal de preocupação, dada a evolução dos casos em Berlim e Frankfurt.

Na capital Berlim, assim como em Frankfurt, a obrigação de fechar bares e restaurantes entre 23h e 6h (hora local) entrou em vigor na noite desta sexta-feira, quando a venda de bebidas alcoólicas e grupos com mais de cinco membros é proibida (expansível a mais, no caso de pessoas que moram em um ou mesmo dois domicílios).

Últimas