Coronavírus

Internacional Covid: OMS alerta que África pode fracassar em meta de vacinação

Covid: OMS alerta que África pode fracassar em meta de vacinação

Oito em cada dez países do continente africano não deverão conseguir imunizar 10% dos grupos mais vulneráveis

AFP
Apenas 12 países da África atingiriam o objetivo de vacinação proposto pela OMS

Apenas 12 países da África atingiriam o objetivo de vacinação proposto pela OMS

REUTERS/Kenny Katombe

Oito em cada dez países da África podem fracassar na meta global de vacinar 10% dos grupos mais vulneráveis contra a covid-19 até o final de setembro, alertou a OMS (Organização Mundial da Saúde) nesta quinta-feira (2).

Dados compilados pela organização indicam que nove países africanos, incluindo África do Sul, Marrocos e Tunísia, já alcançaram este objetivo; que outros três estão no caminho certo e que dois "podem alcançá-lo se aumentarem a taxa de vacinação".

No entanto, 42 dos 54 países da África podem não ter sucesso "se o ritmo atual de entrega de vacinas e vacinação se manter igual".

"O acúmulo de vacinas causou atrasos na África e precisamos urgentemente de mais vacinas", disse Matshidiso Moeti, diretora regional da OMS para a África, em reunião semanal com a imprensa.

Ela acrescentou que, à medida que "chegam novas doses, os países africanos têm de aumentar os seus esforços".  Cerca de 21 milhões de doses de vacinas chegaram à África em agosto através do mecanismo Covax, que visa fornecer vacinas aos países mais pobres, segundo a OMS. Valor equivalente ao recebido nos quatro meses anteriores. 

De acordo com a OMS, o número de casos de covid-19 diminui ligeiramente na África, mas permanece "muito alto".

Últimas