Eleições EUA 2020

Internacional Democratas formalizam Biden como candidato à presidência dos EUA

Democratas formalizam Biden como candidato à presidência dos EUA

Na segunda noite da convenção do partido, Bill Clinton, Jimmy Carter e até republicanos defenderam que Biden devolverá integridade à Casa Branca

  • Internacional | Do R7, com Reuters

Biden aparece em TV no Centro de Eventos de Milwaukee, sede da convenção democrata

Biden aparece em TV no Centro de Eventos de Milwaukee, sede da convenção democrata

Brian Snyder / Pool via EFE-EPA - 18.8.2020

Os Democratas nomearam formalmente Joe Biden como candidato a presidente nas eleições de novembro nos EUA na noite de terça-feira (18), durante a segunda noite da Convenção Nacional do partido, marcada por discursos de antigas e novas lideranças democratas e também de republicanos de destaque.

Com a convenção de quatro dias sendo realizada de forma praticamente virtual devido à pandemia do novo coronavírus, delegados de todo o país votaram remotamente para confirmar Biden como o candidato, um resultado que atraiu elogios instantâneos nas redes sociais.

A votação foi acompanhada por clipes que mostravam a diversidade do partido, em que membros do partido de várias raças, origens e orientação sexual explicaram por que estavam apoiando Biden.

Líderes democratas e figurões republicanos saudaram Biden

A segunda noite da convenção democrata teve como tema "Liderança é importante". Estadistas como os ex-presidentes Bill Clinton e Jimmy Carter, estrelas em ascensão do Partido Democrata e republicanos proeminentes, que defenderam que Biden devolveria integridade à Casa Branca e normalidade às vidas americanas.

Ao longo da noite, os líderes democratas contrastaram a longa experiência de Biden com o que eles descreveram como o tratamento incorreto dado por Donald Trump à pandemia do novo coronavírus e a disposição do atual presidente dos EUA de corromper as instituições democráticas.

Duas participações de figuras republicanas também marcaram a noite. Primeiro, Cindy McCain, viúva do senador John McCain, falecido em 2018, ressaltou a longa amizade entre o democrata e republicano e a capacidade de Biden de participar democraticamente dos debates.

Outra liderança histórica republicana a fazer sua saudação a Biden foi o ex-secretário de Estado da gestão George W. Bush, Colin Powell. Ele ressaltou os valores americanos defendidos pelo democrata e diz que o apoia para levar estes valores de volta à Casa Branca.

Esposa de Biden encerrou a noite

A esposa de Biden, Jill, uma educadora, fez o discurso principal da noite desde uma escola secundária de Delaware onde lecionou, oferecendo um relato profundamente pessoal de como o amor entre o casal o ajudou a se curar depois que sua primeira esposa e filha morreram em um acidente de carro.

Depois de ouvir desde seu estado natal, Delaware, a homenagem de sua esposa, Biden apareceu ao lado de Jill Biden para agradecer ao partido por tê-lo nomeado, mais de três décadas após sua primeira candidatura mal-sucedida à Casa Branca.

"Muito, muito obrigado do fundo do meu coração", disse Biden, que fará seu discurso de aceitação na quinta-feira. "Isso significa o mundo para mim e minha família."

Últimas