Novo Coronavírus

Internacional Dinamarca reabrirá pequenos estabelecimentos a partir de 2ª feira

Dinamarca reabrirá pequenos estabelecimentos a partir de 2ª feira

Salões de cabeleireiros, autoescolas, clínicas de fisioterapia e outros poderão voltar a funcionar depois de um mês fechados. País teve 321 mortes

Dinamarca vai reabrir pequenos comércios

Dinamarca vai reabrir pequenos comércios

Ritzau Scanpix/Niels Christian Vilmann via REUTERS - 16.4.2020

O governo da Dinamarca anunciou, nesta sexta-feira (17), um acordo com os outros partidos com representação parlamentar para abrir, a partir da próxima segunda, alguns pequenos estabelecimentos comerciais, como cabeleireiros e autoescolas, fechadas há um mês pelas medidas restritivas contra a pandemia do coronavírus.

O acordo cita expressamente cabeleireiros, autoescolas, clínicas de fisioterapia e "certas profissões liberais", e convoca uma reunião com o setor, sindicatos e outras organizações relevantes para acordar diretrizes para uma "reabertura responsável".

Segundo a Direção-Geral de Justiça, os tribunais reabrirão no dia 27, prevendo-se que já possam tratar de 75% dos casos.

As agências estatais responsáveis por lidar com questões familiares e adoções serão reabertas, os serviços penitenciários retomarão a atividade de cumprir sentenças e os laboratórios de pesquisa serão parcialmente abertos a pesquisadores e estudantes de pós-doutorado.

Este acordo é uma extensão da primeira fase de reabertura, iniciada há dois dias com creches e escolas para alunos até o quinto ano, e já tinha sido sugerido no início desta semana pela primeira-ministra Mette Frederiksen, devido à evolução positiva da situação.

Todas as partes continuarão negociando na próxima semana, com foco em uma segunda fase de abertura em maio, diz o acordo.

O fechamento de bares e restaurantes, que ainda podem funcionar para entrega em domicílio, o fechamento de fronteiras para estrangeiros sem autorização de residência e a proibição de concentrações de mais de dez pessoas permanecem até 10 de maio.

A Dinamarca, com uma população de 5,7 milhões, registrou até agora 6.879 casos do novo coronavírus e 321 mortes.

Últimas