Internacional Dois foguetes são lançados contra base aérea dos EUA no Iraque

Dois foguetes são lançados contra base aérea dos EUA no Iraque

Não houve vítimas ou danos às instalações, mas americanos já iniciaram a apuração; grupos pró-Irã costumam fazer os disparos

EUA ainda não informaram o autor da agressão

EUA ainda não informaram o autor da agressão

Jim Watson / AFP - 31.3.2021

Dois foguetes caíram neste domingo (4) perto da base aérea de Balad, que abriga soldados americanos ao norte de Bagdá, três dias antes da retomada do "diálogo estratégico" com o novo governo de Washington, informou uma fonte de segurança à AFP.

Estes disparos não provocaram nem danos nem vítimas, e não foram reivindicados até o momento, mas os Estados Unidos acusam regularmente grupos iraquianos pró-Irã de atacar suas tropas e diplomatas.

É o décimo quarto ataque, incluindo um com seis com foguetes, dirigido contra às tropas dos EUA, à embaixada dos EUA ou comboios iraquianos que fornecem apoio logístico às tropas estrangeiras desde que Joe Biden assumiu o cargo em janeiro.

Dois americanos e um civil iraquiano foram mortos nesses ataques.

Um civil iraquiano que trabalhava para uma empresa de manutenção de aviões de combate dos Estados Unidos para as forças aéreas iraquianas também foi ferido em um dos atentados

Às vezes, essas operações são reivindicadas por grupos desconhecidos que, de acordo com especialistas, são uma cortina de fumaça para organizações de longa data apoiadas pelo Irã no Iraque.

Qais al Khazali, um alto funcionário pró-iraniano na força paramilitar Hashed al Shaabi, patrocinada pelo estado, declarou recentemente que a "resistência" estava realizando ataques e os intensificaria "a menos que os Estados Unidos retirem todas as suas forças de combate de todo o Iraque" .

Este último ataque coincide com a preparação em Washington de um diálogo estratégico com o governo do primeiro-ministro Mustafa Al Kadhemi, que recebe regularmente ameaças de facções pró-iranianas.

Últimas