Novo Coronavírus

Internacional Em confinamento parcial, Pequim registra 31 novos casos de covid-19

Em confinamento parcial, Pequim registra 31 novos casos de covid-19

Ao todo, a China registrou 44 novos casos do novo coronavírus em 24 horas. Total de casos ativos é de 252, sete deles em estado grave

  • Internacional | De Agência EFE

Pequim faz testes em massa para conter surto de covid-19

Pequim faz testes em massa para conter surto de covid-19

Stringer / EFE-EPA - 15.6.2020

A Comissão Nacional de Saúde da China informou que foram detectados 44 novos casos de coronavírus no país nesta terça-feira (16), 11 deles importados e 33 de contágio local, e que o novo surto em Pequim continua, com mais 31 notificações de infecção.

A capital chinesa elevou o nível de resposta de emergência pela covid-19 na noite desta terça, em uma tentativa de conter a disseminação massiva do surto detectado na última quinta no mercado atacadista de Xinfadi, que até agora deixou 137 casos confirmados.

Leia também: EUA enfrentam escalada no número de novos casos de covid-19

O secretário geral adjunto de Pequim, Chen Bei, anunciou que a cidade está passando do terceiro para o segundo nível de emergência. Com isso, entre outras medidas, a identidade e o estado de saúde dos moradores serão revistos e suas temperaturas serão aferidas.

Esse confinamento parcial envolve a suspensão de todas as aulas do ensino fundamental, médio e superior, e os moradores são aconselhados a trabalhar de casa, enquanto as comunidades em áreas vistas como de "alto risco" - por exemplo, com casos confirmados - serão fechadas, sem que ninguém possa sair.

Confira: No mundo, há 153 drogas e vacinas contra covid-19 em teste

Os mercados subterrâneos também estão desativados, enquanto bibliotecas, museus e parques permanecerão abertos por um tempo reduzido e com uma capacidade de até 30%. Os voos interprovinciais também estão suspensos, e as viagens em grupo transprovinciais são proibidas, segundo Chen. "A situação em Pequim continua grave", salientou.

Mais de 250 casos ativos

Além dos 31 casos detectados na capital, a China registrou duas outras infecções locais: uma na província de Hebei, vizinha a Pequim, e a outra em Zhejiang. Além disso, dos 11 casos importados, dez foram reportados em Gansu e um em Sichuan.

A Comissão Nacional de Saúde não relatou novas mortes em todo o país e observou que dois casos graves foram acrescentados, dois pacientes tiveram alta e 116 contatos próximos foram liberados da observação médica.

O total de casos confirmados agora ativos na China é de 252, sete deles em estado grave, dos 83.265 notificados desde o início da pandemia. O número de óbitos por Covid-19 continua em 4.634.

Em relação aos casos assintomáticos, que a China não conta como confirmados, foram registradas 11 novas infecções, sendo quatro delas provenientes do exterior. Há ainda 106 pessoas nessa situação sob observação médica, 62 dos quais provenientes de outros países.

Últimas