Rússia x Ucrânia

Internacional Em retaliação, Rússia expulsa diplomatas americanos do país

Em retaliação, Rússia expulsa diplomatas americanos do país

Estados Unidos tomaram atitude similar com 12 funcionários russos no início de março sob acusação de espionagem

AFP
Relação diplomática entre países se deteriora ainda mais com ação russa

Relação diplomática entre países se deteriora ainda mais com ação russa

Kirill Kudryavtsev/AFP - 02.03.2022

A Rússia anunciou, nesta quarta-feira (23), a expulsão de diplomatas americanos em retaliação por medidas semelhantes tomadas pelos EUA contra 12 membros da missão russa na ONU no início de março.

"Em 23 de março, uma lista de diplomatas americanos declarados personae non gratae foi entregue ao chefe da missão diplomática americana (em Moscou), que foi convocado ao Ministério das Relações Exteriores da Rússia", disse um comunicado da chancelaria russa.

"O lado americano recebeu um firme aviso de que qualquer ação hostil dos Estados Unidos contra a Rússia receberá uma resposta resoluta e adequada", acrescentou.

Um porta-voz do Departamento de Estado confirmou que a pasta americana recebeu a lista de Moscou.

"Este é o último passo inútil e improdutivo da Rússia em nosso relacionamento bilateral. Apelamos ao governo russo para acabar com essas expulsões injustificadas", disse o porta-voz.

No começo do mês, Washington informou sobre o início "do processo de expulsão de 12 agentes de inteligência da missão russa que abusaram de seus privilégios de residência ao participar de atividades de espionagem contrárias à nossa segurança nacional".

O embaixador russo nos Estados Unidos, Anatoli Antonov, denunciou uma atitude "hostil".

Últimas