Novo Coronavírus

Internacional Espanha vai conceder auxílio mensal para as famílias mais pobres

Espanha vai conceder auxílio mensal para as famílias mais pobres

Por causa da pandemia do novo coronavírus, a economia do país caiu e o número de desemprego chegou ao mesmo patamar de três anos atrás

Reuters
Cerca de um milhão de famílias receberá auxílio devido a pandemia na Espanha

Cerca de um milhão de famílias receberá auxílio devido a pandemia na Espanha

Manuel Silvestri/Reuters - 8.4.2020

A Espanha planeja pagar uma renda mensal básica para cerca de um milhão de famílias mais pobres do país para ajudá-las a enfrentar o impacto do novo coronavírus, disse o ministro da Previdência Social, José Luis Escrivá, nesta sexta-feira (17).

Aqueles que receberem a renda básica que será aprovada pelo gabinete em maio, terão incentivos para encontrar trabalho, disse Escrivá à estação de rádio COPE. "Sem incentivos para encontrar um emprego, há uma tentação de esgotar o salário e não olhar para o mercado de trabalho", disse ele.

Ainda não foi decidido quanto será pago por mês e Escrivá se recusou a dizer quanto custaria ao governo, embora tenha afirmado que a medida seria financiada com nova dívida pública.

Ele acrescentou que até um quinto das famílias espanholas têm uma renda inferior a 246 euros por mês.

O Partido Socialista e seu parceiro de extrema-esquerda, Unidas Podemos, concordaram no início do ano em criar a renda básica como parte de seu programa de quatro anos, embora a crise da covid-19 tenha mudado as prioridades.

O ministro disse que levaria semanas para que a burocracia do governo começasse a pagar o novo benefício.

A economia espanhola perdeu 900 mil empregos durante as duas primeiras semanas de uma quarentena imposta em 14 de março para limitar a disseminação do novo coronavírus, elevando novamente o número oficial de desempregados ao patamar de três anos atrás.

Últimas