Novo Coronavírus

Internacional 'Estamos longe de vencer a guerra contra a covid-19', diz Biden

'Estamos longe de vencer a guerra contra a covid-19', diz Biden

Presidente dos EUA comemora aceleração da vacinação, mas pede que população não abaixe a guarda contra o coronavírus

Biden pediu que norte-americanos continuem usando máscaras, mesmo com vacinação

Biden pediu que norte-americanos continuem usando máscaras, mesmo com vacinação

Drew Angerer / Getty Images via AFP - 29.3.2021

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, comemorou nesta segunda-feira (29) a aceleração do ritmo da vacinação contra a covid-19 em seu país, o mais afetado do mundo pela pandemia, mas pediu aos americanos que não baixem a guarda diante de uma alta dos contágios.

Leia também: Biden quer aplicar 200 milhões de doses em 100 dias de governo

"Nosso trabalho está longe do fim. Estamos longe de vencer a guerra contra a covid-19", disse o presidente na Casa Branca em declarações televisionadas.

"Estamos em uma batalha de vida ou morte com o vírus, que está se espalhando rapidamente com o aumento de casos, novas variantes e, infelizmente, alguns dos comportamentos imprudentes que temos visto na televisão nas últimas semanas trarão novos contágios", acrescentou.

"Usem máscaras! É um dever patriótico", destacou, ao ressaltar que quase mil americanos morrem diariamente por causa da pandemia.

Biden também prometeu que 90% dos adultos americanos poderão receber a vacina anticovid antes de 19 de abril.

"Os processos que fizemos no campo da vacinação são uma grande história americana", disse.

Últimas