Internacional EUA acertam venda bilionária de armas para Taiwan

EUA acertam venda bilionária de armas para Taiwan

Medida pode irritar a China, que reivindica a posse do país

  • Internacional | Da Ansa

A medida pode irritar Pequim, na foto, nota de moeda taiwanesa

A medida pode irritar Pequim, na foto, nota de moeda taiwanesa

Reuters

O Departamento de Estado norte-americano autorizou uma venda de US$ 1,3 bilhão em armas para Taiwan, país que é reivindicado pela China.

O pacote inclui sete tipos de armamentos, incluindo sistemas de radar, mísseis, torpedos e componentes de atualização. A medida pode irritar Pequim, que considera Taiwan como parte de seu território, embora os EUA já adotem há tempos uma política de ajudar a defesa da ilha.

China lança seu 1º porta-aviões construído totalmente no país

A venda ainda precisa da aprovação do Congresso, que tem 30 dias para exprimir eventuais objeções. A última comercialização de armas norte-americanas para Taiwan ocorreu em dezembro de 2015, sob o governo de Barack Obama.

Antes mesmo de tomar posse, o presidente Donald Trump já havia causado mal-estar com a China ao falar por telefone com a líder de Taiwan, Tsai Ing-wen, na primeira conversa entre representantes dos dois países desde 1979. 

Assista 24 horas à programação da Record TV

Últimas