Coronavírus

Internacional EUA vão comprar 500 milhões de doses de vacinas para doar

EUA vão comprar 500 milhões de doses de vacinas para doar

O presidente norte-americano Joe Biden deve anunciar o plano de doação do imunizante para outros países na reunião do G7

AFP
Governo norte-americano vai comprar e distribuir 500 milhões de doses de vacina

Governo norte-americano vai comprar e distribuir 500 milhões de doses de vacina

Carlos Osorio/Reuters - 3.6.2021

O governo do presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, vai comprar 500 milhões de doses da vacina contra a covid-19 da Pfizer/BioNTech para distribuir entre outros países, informou a imprensa americana nesta quarta-feira (9), citando fontes próximas ao assunto.

Leia também: EUA: homem que tentou estragar vacinas é condenado à prisão

Biden fará o anúncio formal na reunião do G7 no Reino Unido nesta semana, informaram os jornais The Washington Post e The New York Times.

A medida chega em um momento em que os Estados Unido enfrentam a pressão de fazer mais diante da escassez mundial de vacinas, depois que os países ricos compraram a maior parte dos primeiros insumos.

Os EUA vacinaram mais da metade de sua população e a taxa de infecção de covid-19 despencou no país.

Biden deu uma pista sobre esse anúncio ao embarcar no Air Force One com destino ao Reino Unido para se reunir com os líderes do G7 (Alemanha, Canadá, Estados Unidos, França, Itália, Japão e Reino Unido).

Quando foi questionado se tinha uma estratégia de vacinação para o mundo, ele respondeu: "Tenho uma e vou anunciar".

O jornal The New York Times afirmou que Biden aparecerá com o diretor executivo da Pfizer, Albert Bourla, para fazer o anúncio.

O acordo prevê que os Estados Unidos paguem o preço das doses "sem fins lucrativos", e que os primeiros 200 milhões sejam enviados este ano e os 300 milhões restantes em 2022.

Últimas