Internacional Filho de ex-presidente alemão é esfaqueado até a morte

Filho de ex-presidente alemão é esfaqueado até a morte

Fritz von Weizäcker foi atacado depois de palestra em hospital em que trabalhava. Ele era um dos quatro filhos de Richard von Weizäcker

Filho de ex-presidente alemão é esfaqueado em hospital

Filho de ex-presidente alemão é esfaqueado em hospital

Reprodução/ Twitter @Berliner_Fw

O filho do ex-presidente da Alemanha Richard von Weizäcker foi esfaqueado até a morte depois de palestrar em um hospital de Berlim na terça-feira (19) à noite.

Fritz von Weizäcker era médico e tinha sido convidado para dar uma palestra no hospital de Scholosspark, em que trabalhava, para cerca de 20 pessoas. Por volta das 19h, em horário local, um homem se aproximou do médico e o esfaqueou.

Apesar dos esforços, von Weizäcker morreu no local.

O autor do crime, um homem de 57 anos, foi preso com ajuda dos outros presentes. Ele não tinha ficha criminal e nenhum motivo foi identificado até agora. O homem foi levado para a delegacia para prestar depoimentos.

Um policial que não estava trabalhando na hora ficou gravemente ferido depois de tentar afastar o assassino do médico. Ele foi levado para outro hospital para receber tratamento.

Fritz von Weizäcker era especialista em medicina interna e gastroenterologia. Ele trabalhou no Hospital Universitário de Harvard, nos Estados Unidos, e no Hospital Universitário de Zurique.

Desde 2005, ele era o chefe no departamento de medicina interna do Hospital de Schlosspark.

Fritz era um dos quatro filhos do ex-presidente Richard Von Weizsäcker, que governou a Alemanha de 1984 e 1990 e estava no posto durante a queda do muro de Berlim e a reunificação do país.

Von Weizsäcker é um dos presidents mais respeitados da história da Alemanha e seus discursos são estudados até hoje, inclusive o discurso contra sobre esquecer o passado da Alemanha no aniversário de 40 anos da Segunda Guerra Mundial.