Terror na Europa

Internacional França fecha fronteiras e decreta estado de emergência após série de ataques que deixaram dezenas de feridos 

França fecha fronteiras e decreta estado de emergência após série de ataques que deixaram dezenas de feridos 

Capital francesa terá áreas bloqueadas e está sob cerco militar para evitar novos ataques 

  • Internacional | Do R7

Hollande: fronteiras fechadas e estado de emergência em Paris

Hollande: fronteiras fechadas e estado de emergência em Paris

Reuters

Em pronunciamento na noite desta sexta-feira (13), após uma série de pelo menos seis ataques em diferentes pontos de Paris, o presidente François Hollande disse que a cidade está sob estado de emergência e terá áreas inteiras bloqueadas para acesso por motivos de segurança.

Com o plano Alpha Vermelho em ação para estados de emergência, autoridades locais ganham poder de polícia e podem fechar locais públicos, restringir a circulação de pessoas e requisitar armas de cidadãos.

As Forças Armadas também foram convocadas e estão nas ruas para evitar novos ataques. Outra medida adotada nesse momento é o fechamento das fronteiras do país para evitar uma possível fuga dos responsáveis pelos atentados.

"Isso tem de parar. Não sabemos de onde veio, nem que são os responsáveis. Querem nos colocar medo, mas a França vai superar isso. Viva a França. Viva a República!", enfatizou.  

O presidente ainda enviou condolências para as famílias das dezenas de vítimas dos atentados e disse que é momento da nação francesa se unir e demonstrar compaixão, solidariedade e unidade. O presidente Obama também fez um pronunciamento oferecendo apoio e condolências aos franceses. 

Últimas