França registra queda brusca no número de casos da covid-19

Após a decretação de confinamento parcial da população e paralisação de parte da atividade econômica, o número de contágios caiu

Em toda a França, já foram registrados 1.954.599 infectados por covid

Em toda a França, já foram registrados 1.954.599 infectados por covid

Ian Langsdon/EFE/EPA - 30.10.2020

A França registrou neste domingo mais 27.228 casos de infecção pelo novo coronavírus, o que indica a manutenção da curva descendente de contágios, após a decretação de confinamento parcial da população e paralisação de parte da atividade econômica.

A quantidade é inferior as 32.095 notificações de positivos divulgadas ontem, em balanço oficial. E representa uma queda considerável na comparação com os indicadores da semana passada, quando por mais de um dia foi superada a barreira dos 60 mil casos.

Leia mais: Para conter o coronavírus, Macron anuncia confinamento na França

A agência francesa de saúde pública, no entanto, indicou que houve queda no número de infecções por testes realizados, que foi de 16,9%, o que representa quatro décimos percentuais ao menos do que na véspera.

Ao longo da última semana, foram feitos 2.149.405 exames para detectar a presença do novo coronavírus.

Leia mais: França entra em semana importante para conter coronavírus

Em toda a França, já foram registrados 1.954.599 infectados pelo patógeno. Além disso, o número de mortes provocadas pela covid-19 saltou para 44.548, com as 302 notificadas nas últimas 24 horas, de acordo com os dados oficiais.

As autoridades francesas informaram ainda que 17.390 pessoas foram internadas ao longo da última semana, período em que 2.761 pacientes deram entrada em unidades de terapia intensiva dos hospitais do país.

Ontem, o número de hospitalizados em todo o território em sete dias era de 32.468, patamar semelhante ao atingido no pico da primeira onda, registrado em abril.