Novo Coronavírus

Internacional Helicóptero que levava vacinas contra covid-19 cai no Uruguai

Helicóptero que levava vacinas contra covid-19 cai no Uruguai

Aeronave tentou fazer um pouso de emergência e 'incendiou-se', dizem autoridades. Todos os tripulantes se feriram

Helicóptero que levava vacinas anticovid cai no Uruguai

Helicóptero que levava vacinas anticovid cai no Uruguai

Brendan Smialowski/AFP - 18.03.2021

Um helicóptero da Força Aérea do Uruguai, que transportava vacinas contra o novo coronavírus, caiu na madrugada desta quinta-feira no departamento de Rocha, no sudeste do país.

Segundo informou o Ministério de Defesa Nacional, a aeronave tentou fazer um pouso de emergência e "incendiou-se", o que resultou em "perda total" do aparelho. Todos os tripulantes se feriram, de acordo com a pasta.

O helicóptero levava cerca de 300 doses da vacina desenvolvida pela Pfizer e trafegava de Montevidéu para Rocha, onde seriam imunizados idosos com mais de 80 anos, de acordo com o Plano Nacional de Vacinação.

As doses vieram para o Uruguai na terceira entrega da companhia farmacêutica para o país, que aconteceu ontem à noite, no Aeroporto Internacional de Carrasco.

Até o momento, o governo uruguaio adquiriu 3,8 milhões de doses dos agentes imunizantes desenvolvidos pela Pfizer e também pela chinesa Sinovac, sendo que 1,9 milhões já estão no país.

Além disso, através da plataforma Covax, da Organização Mundial da Saúde (OMS), ainda chegarão outras 450 mil doses da vacina da AstraZeneca.

Segundo dados do Ministério da Saúde Pública divulgados na manhã desta quinta-feira, 414.926 pessoas receberam a primeira dose de algum dos agentes imunizantes, o que representa 11,83% da população.

Últimas