Internacional Incêndio em hospital no Senegal mata 11 recém-nascidos

Incêndio em hospital no Senegal mata 11 recém-nascidos

Fogo teria sido provocado por um curto-circuito na instalação elétrica; autoridades confirmaram que três bebês foram salvos

AFP

Resumindo a Notícia

  • Hospital está localizado na cidade de Tivaouane, no oeste do Senegal
  • Notícia sobre a morte dos 11 bebês no incêndio foi dada pelo presidente
  • De acordo com a imprensa local, o prédio foi inaugurado recentemente
  • Um incidente similar aconteceu em outro hospital do país em abril deste ano
Hospital Abdoul Aziz Sy Dabakh pegou fogo apesar de ter sido inaugurado recentemente

Hospital Abdoul Aziz Sy Dabakh pegou fogo apesar de ter sido inaugurado recentemente

SEYLLOU / AFP

Onze bebês recém-nascidos morreram nesta quarta-feira (25) em um incêndio em um hospital em Tivaouane, no oeste do Senegal, anunciou o presidente do país africano, Macky Sall.

“Acabo de tomar conhecimento, com dor e consternação, do falecimento de 11 recém-nascidos em um incêndio ocorrido no serviço de neonatologia do hospital público de Tivaouane”, disse Sall no Twitter.

O incêndio foi causado por “um curto-circuito, e o fogo se propagou muito rapidamente” pelo local, afirmou o prefeito da cidade, Demba Diop. “Três bebês se salvaram”, acrescentou.

De acordo com a imprensa local, o hospital foi inaugurado recentemente.

Um caso similar aconteceu no Senegal em abril, no município de Linguere, quando um incêndio provocou a morte de quatro bebês em um hospital.

O prefeito dessa cidade disse que a origem das chamas foi um problema elétrico no sistema de ar condicionado da área da maternidade, onde havia seis bebês.

Últimas