Novo Coronavírus

Internacional Índia quebra recorde mundial de novos casos diários de covid-19

Índia quebra recorde mundial de novos casos diários de covid-19

País, que já tinha registrado na segunda-feira o maior número de infecções, teve mais de 83 mil novos casos e pode passar o Brasil

  • Internacional | Da EFE, com R7

Índia bate recorde de novos casos diários no mundo

Índia bate recorde de novos casos diários no mundo

Farooq Khan/EFE/EPA - 3.9.2020

A Índia quebrou o próprio recorde de novos casos diários de covid-19 nesta quinta-feira (3), com mais 83.883 novas infecções nas últimas 24 horas. Na segunda-feira, o país já tinha registrado o maior número de novas infecções de coronavírus no mundo, com 78 mil.

De acordo com os últimos dados do Ministério da Saúde, a Índia também contabilizou 1.043 mortes por covid-19 hoje, e no total já tem 3.853.406 milhões de infecções e 67.376 mortes.

A Índia pode ultrapassar o Brasil nos próximos dias, que tem 3.997.865 casos e 123.780 mortes até o momento, de acordo com a universidade Johns Hopkins.

Os Estados Unidos, o país mais afetado, têm 6.114.406 casos e 185.744 mortes.

Aumento de casos na área rural


Na Índia, o estado ocidental de Maharashtra (que tem Bombaim como capital) continua a ser o mais afetado, com 825.739 casos de coronavírus.

A capital Nova Déli viu o maior aumento em casos diários em dois meses, com 2.509 novas infecções e 19 mortes.


Ambas as regiões abrigam duas das cidades mais populosas do país, mas especialistas concordam que o coronavírus começou a se espalhar de forma preocupante nas áreas rurais, onde reside a maioria da população indiana.

"Esta é uma evolução muito preocupante porque a infraestrutura do sistema de saúde nas áreas rurais é muito pobre", disse o virologista Shahid Jameel à Efe.

O país de 1.350 milhões de habitantes investe apenas 1,6% do seu produto interno bruto (PIB) no sistema de saúde, segundo a última pesquisa econômica do governo.

Testes insuficientes

O virologista observou que a taxa de mortalidade na Índia está perto de 1,8% e é inferior à média mundial, um fenômeno "que não é visto apenas na Índia, mas em todo o sul e sudeste da Ásia".

A Índia aumentou sua capacidade de teste para o coronavírus desde o início da pandemia e nas últimas 24 horas atingiu o máximo em um dia, com um total de 1.172.179 testes, mas Jameel julgou que continua insuficiente.

“A Organização Mundial da Saúde (OMS) diz que muitos testes estão sendo feitos quando você encontra um positivo para cada vinte testes. A Índia atualmente está encontrando um positivo para cada onze ou doze testes”, disse o virologista.

Vários estudos realizados por autoridades de saúde em cidades como Nova Delhi sugerem que o impacto do coronavírus é muito maior do que mostram os números oficiais.

O coronavírus afetou gravemente a economia do país asiático, devido às rígidas restrições para conter a expansão da pandemia, registrando queda de 23,9% no PIB entre abril e junho, segundo o Ministério de Estatística da Índia.

Últimas