Internacional Irã acusa EUA e Israel de ataque hacker a sistema de combustíveis

Irã acusa EUA e Israel de ataque hacker a sistema de combustíveis

Autoridade do país disse que incidente é semelhante a outros dois que teriam sido feitos recentemente pelas nações inimigas

  • Internacional | Da AFP, com R7

Ataque a sistema de abastaecimento durou 5 dias

Ataque a sistema de abastaecimento durou 5 dias

Pixabay

Um alto funcionário iraniano sugeriu um possível envolvimento dos Estados Unidos e de Israel no ataque cibernético que interrompeu o sistema de abastecimento de combustível do Irã por cinco dias.

O ataque de terça-feira (26) "tecnicamente" se assemelha a dois incidentes semelhantes cujos responsáveis "eram inquestionavelmente nossos inimigos, isto é, os Estados Unidos e o regime sionista", disse o chefe da Defesa, Gholamreza Jalali, à televisão na noite de sábado (30). 

"Analisamos dois incidentes, o acidente ferroviário e o do porto de Shahid Rajaei, e descobrimos que eram semelhantes em termos de padrão de ataque", disse o general.

Em julho, um ataque cibernético tornou o portal da Internet do sistema ferroviário do país inacessível, segundo as autoridades, criando um "caos sem precedentes", segundo a agência de notícias conservadora Fars.

Últimas