Estados Unidos

Internacional Irã quer garantia de permanência dos EUA em acordo nuclear

Irã quer garantia de permanência dos EUA em acordo nuclear

Países devem conversar no próximo dia 29 para encontrar formas de ressuscitar o pacto, abandonado por Trump três anos atrás

Reuters
Ministro iraniano afirmou que EUA precisam suspender todas as sanções contra seu país

Ministro iraniano afirmou que EUA precisam suspender todas as sanções contra seu país

Lisi Niesner / Reuters - 10.9.2018

O Irã disse nesta segunda-feira (8) que os Estados Unidos deveriam oferecer garantias de que não voltarão a abandonar o acordo nuclear firmado entre Teerã e potências mundiais em 2015 se as negociações para reativá-lo tiverem sucesso.

As conversas indiretas entre Irã e EUA, que chegaram a um impasse em junho depois da eleição do presidente iraniano linha-dura Ebrahim Raisi, devem ser retomadas no próximo dia 29 em Viena, na Itália, para encontrar maneiras de ressuscitar o acordo.

O ex-presidente americano Donald Trump retirou seu país do pacto três anos atrás e retomou as sanções contra o Irã.

Leia também: Enriquecimento de urânio: Entenda qual a importância e como é feito

Ecoando a posição oficial, o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores iraniano, Saeed Khatibzadeh, disse que os EUA precisam suspender todas as sanções contra seu país por meio de um processo verificável e "reconhecer seu erro ao descartar o pacto".

Khatibzadeh afirmou que Ali Bagheri-Kani, o principal negociador nuclear do Irã, viajará nesta semana como vice-ministro das Relações Exteriores para Assuntos Políticos para as capitais de três países europeus signatários do acordo nuclear.

Últimas