Coronavírus

Internacional Itália tem 5.700 novos contágios e aumentam as internações

Itália tem 5.700 novos contágios e aumentam as internações

Aumenta a pressão nos hospitais, mas ainda longe dos números alcançados no ano passado, antes da vacinação

Covid na Itália: hospitais registra aumento do número de casos

Covid na Itália: hospitais registra aumento do número de casos

LUCA ZENNARO/EFE

O Ministério da Saúde da Itália registrou 5.735 novos casos de covid-19 e 11 mortes nas últimas 24 horas, enquanto a pressão sobre os hospitais continua a aumentar, mas ainda longe dos números alcançados no ano passado.

As novas infecções, 300 a mais do que no mesmo dia da semana passada, elevam para 4.396.417 o total de casos — entre eles 128.220 mortes — contabilizados desde o início da pandemia, em fevereiro de 2020.

Entre as 112.266 pessoas que atualmente apresentam resultados positivos, 2.930 estão internadas, 109 a mais do que ontem, e 299 (11 a mais) requerem terapia intensiva.

Quanto à campanha de vacinação, 34,2 milhões de pessoas já foram totalmente vacinadas no país, 63,47% da população com mais de 12 anos de idade.

Desde sexta-feira, tem sido exigido na Itália um certificado sanitário para certos estabelecimentos, provando que o portador foi vacinado, que se recuperou da doença ou que tem um teste negativo.

O documento, conhecido como "Green Pass", é obrigatório no país para consumir em bares e restaurantes e entrar em museus, teatros, cinemas, academias e grandes eventos.

Com o novo ano letivo, a partir de setembro, as escolas primárias, secundárias e universitárias também exigirão um certificado de saúde dos profissionais.

Esse certificado será obrigatório para embarcar em aviões, utilizar um barco que ligue duas regiões italianas, fazer viagens de longa distância em trens e ônibus.

Últimas