Coronavírus

Internacional Japão encerra restrições de viagens dentro do país

Japão encerra restrições de viagens dentro do país

Em alguns locais do país as restrições já haviam sido retiradas, mas nas áreas mais afetadas a suspensão ocorre nesta sexta (19)

  • Internacional | Da EFE

Tóquio manteve restrição de viagem por mais tempo dentro do Japão

Tóquio manteve restrição de viagem por mais tempo dentro do Japão

Issei Kato/Reuters - 7.4.2020

O Japão suspendeu nesta sexta-feira (19) as restrições de viagem entre as províncias, que ainda estavam em vigor em Tóquio e arredores, a fim de reativar o turismo prejudicado, agora que o governo considera ter a covid-19 sob controle.

O estado de emergência sanitária havia sido suspenso no dia 25 de maio, mais as viagens não essenciais de e para Tóquio continuaram sendo desencorajadas, bem como nas províncias adjacentes de Chiba, Kanagawa e Saitama, assim como a ilha de Hokkaido, no norte do país - as áreas mais afetadas pela pandemia do novo coronavírus no país.

A remoção de restrições nessas áreas abre caminho para a recuperação do turismo, que será inicialmente local, uma vez que o arquipélago mantém uma rigorosa proibição de migração para 111 países que já declarou que será gradualmente retirada, embora ainda não se saiba quando.

Essas restrições levaram a uma queda de 99,99% na chegada de turistas estrangeiros ao país nos últimos dois meses e levaram este número em níveis mínimos.

Além de recuperar a livre mobilidade em nível nacional, Tóquio também suspendeu hoje todas as restrições à atividade comercial, tendo em vista a recuperação econômica.

Entre essas medidas, estava o pedido de fechamento de locais com apresentações de música ao vivo, boates e estabelecimentos de entretenimento similares, onde clientes e funcionários estão em contato próximo em espaços fechados.

Assim, Tóquio entrou na terceira e última fase do seu plano de flexibilização, que também permite que restaurantes e estabelecimentos similares retomem seu horário normal, o que muitos reduziram em conformidade com o pedido feito pelas autoridades locais.

O levantamento das restrições ocorre apesar do país ter registrado um aumento de casos desde o levantamento do estado de emergência sanitária, especialmente em Tóquio.

Entre segunda-feira (15) e ontem (18), Tóquio, a região mais afetada do Japão, com quase um terço dos mais de 17,7 mil casos nacionais em seu território, registrou mais de 130 positivos para covid-19.

Últimas