Protestos contra o racismo

Internacional John Lewis, ícone dos direitos civis, será velado no Capitólio dos EUA

John Lewis, ícone dos direitos civis, será velado no Capitólio dos EUA

Membro do congresso americano foi ativo na luta pelos direitos civis dos negros, ao lado de Martin Luther King, e morreu dia 17 de julho, de câncer 

Reuters - Internacional
Lewis esteve presente no congresso pelo partido democrata desde 1987

Lewis esteve presente no congresso pelo partido democrata desde 1987

Reprodução Facebook John Lewis

O parlamentar de longa data dos Estados Unidos e pioneiro dos direitos civis John Lewis será velado no Capitólio na terça-feira, o que permitirá homenagens ao seguidor do reverendo Martin Luther King Jr., com o devido distanciamento social.

Democrata de Atlanta presente no Congresso desde 1987, Lewis sofreu vários espancamentos e prisões durante uma vida de luta contra a segregação e em defesa da justiça racial. Ele morreu de câncer no pâncreas no dia 17 de julho, aos 80 anos.

Envolvimento com os movimentos atuais

A morte ocorreu em um momento de acerto de contas com a injustiça racial em todo o país, que tem testemunhado protestos generalizados e essencialmente pacíficos contra o tratamento desigual da polícia aos negros norte-americanos e a retirada ou a mudança de nome de homenagens de instituições a ex-líderes da Confederação pró-escravidão.

No mês passado, Lewis se uniu à prefeita de Washington, Muriel Bowser, em uma rua contígua à Casa Branca pintada com um mural amarelo — grande o suficiente para ser visto do espaço — com a frase "Vidas Negras Importam", uma homenagem ao movimento social homônimo.

Velório

Uma cerimônia para convidados em que o caixão de Lewis será exibido no Capitólio será realizada na tarde desta segunda-feira, e um exibição pública ocorrerá na noite desta segunda-feira e na terça-feira, disse a presidente da Câmara dos Deputados, Nancy Pelosi, e o líder da maioria no Senado, Mitch McConnell, em um comunicado conjunto.

Devido às preocupações com o coronavírus, a exibição pública será realizada em um ambiente fechado junto à Escadaria Frontal do Leste do Capitólio, e o distanciamento social será devidamente aplicado, informou o comunicado.

Últimas