Internacional Maior incêndio dos EUA está alterando condições climáticas

Maior incêndio dos EUA está alterando condições climáticas

Fogo atinge a região sudeste do estado de Oregon, alcança grandes dimensões nos últimos dias e dificulta trabalho dos bombeiros

Agência EFE
Incêndio de grandes dimensões atinge a região sudeste do Estado de Oregon, nos EUA

Incêndio de grandes dimensões atinge a região sudeste do Estado de Oregon, nos EUA

EFE/EPA/ETIENNE LAURENT

O maior dos diversos incêndios ativos nos Estados Unidos alcançou dimensões tão grandes que já gera suas próprias condições climáticas, o que dificulta o trabalho dos bombeiros, informaram as autoridades locais nesta terça-feira (20).

Leia também: Incêndios continuam avanço pela costa oeste dos EUA

O fogo chamado de Bootleg, no sudeste do estado do Oregon e perto da fronteira com a Califórnia, já queimou mais de 157 mil hectares e destruiu 117 construções humanas desde que foi declarado, no início de julho. As chamas estão sendo combatidas por mais de dois mil bombeiros.

"O fogo é tão grande e gera tanta energia e calor extremo que está mudando as condições climáticas. Normalmente, a situação meteorológica indica o que o fogo vai fazer. Neste caso, o fogo está dizendo o que vai acontecer com o clima", explicou o porta-voz do Departamento Florestal do Oregon, Marcus Kauffman.

Somente incêndios de grandes dimensões como este são capazes de afetar o clima, o que complica ainda mais as tarefas de extinção, pois não é possível saber como será a evolução das chamas no curto prazo.

Imagens gravadas por satélite nesta terça-feira mostram uma enorme coluna de fumaça que, do sudeste do Oregon, se deslocava para o norte até a fronteira canadense, a cerca de mil quilômetros de distância.

Leia mais: Viúva de Moise recusa dinheiro público para funeral de Estado

O incêndio afeta uma área montanhosa e vegetativa na Floresta Nacional de Fremont-Winema e os bombeiros acreditam que não conseguirão extinguir as chamas totalmente até o início de outubro.

Além do fogo no Oregon, outros 80 grandes incêndios ocorrem em várias partes do oeste dos EUA, vários deles na Califórnia, onde a seca extrema após um inverno quase sem chuva e com temperaturas elevadas nas últimas semanas anteciparam a temporada de incêndios em vários meses.

Últimas