Crise na Venezuela
Internacional Mais de 400 mil venezuelanos pediram refúgio nos últimos 5 anos

Mais de 400 mil venezuelanos pediram refúgio nos últimos 5 anos

Segundo o órgão da ONU para refugiados, 60% das solicitações foram feitas em 2018. Maioria dos refugiados está em países da América Latina

refugiados venezuelanos

Só em 2018, 248 mil venezuelanos pediram refúgio em outros países

Só em 2018, 248 mil venezuelanos pediram refúgio em outros países

Ricardo Moraes / Reuters - 22.02.2019

O Acnur (Alto Comissariado da ONU para Refugiados) informou, nesta sexta-feira (8), que o número de solicitações de asilo de cidadãos da Venezuela no mundo cresceu exponencialmente por conta da crise vivida pelo país. Desde 2014, mais de 414 mil deram entrada em pedidos de refúgio, sendo que quase 60% (248 mil) foram feitos em 2018.

Dois terços das solicitações foram registradas na América Latina — Colômbia, Peru e Chile —, enquanto as demais foram recebidas na América do Norte e na Europa, de acordo com a organização da ONU em comunicado.

VEJA TAMBÉM: Governo dos EUA avalia possível benefício migratório a venezuelanos

"No atual contexto de aumento das solicitações de asilo de venezuelanos em países vizinhos, incluindo ex-membros das forças de segurança, o Acnur reitera a necessidade de manter o caráter civil e humanitário do asilo", ressaltou.

A agência esclareceu que os solicitantes de asilo são só uma parte dos 3,4 milhões de venezuelanos que deixaram o país nos últimos cinco anos por causa da crise, um número que deve superar os 5 milhões no final de 2019. Também lembrou que independentemente dessas solicitações, outros países da América Latina facilitaram 1,3 milhão de registros de trabalho e outras autorizações para venezuelanos acessarem serviços básicos, como saúde e educação.