Tailândia: presos na caverna
Internacional Marinha tailandesa diz ter retirado quatro meninos de caverna

Marinha tailandesa diz ter retirado quatro meninos de caverna

Estudantes e o treinador de futebol deles estão sendo resgatados neste domingo, após 15 dias presos dentro de uma montanha

Resgate

Vítimas estão sendo levadas a hospital da região

Vítimas estão sendo levadas a hospital da região

Soe Zeya Tun/Reuters

A Marinha da Tailândia, que coordena a retirada dos meninos de uma caverna no norte do país, afirmou em sua página no Facebook que quatro dos 12 estudantes já estavam fora da montanha às 19h47 (9h47 no horário de Brasília) deste domingo (8). A operação para salvar os garotos e o técnico de futebol deles teve início há cerca de dez horas.

Médicos trabalham em um câmara de segurança dentro da caverna — cerca de 2 km da entrada principal. O objetivo é avaliar os meninos conforme eles forem chegando naquele local e definir quem deve sair primeiro. 

Treze mergulhadores de diversos países e cinco membros da Marinha tailandesa estão dentro da caverna para retirar as vítimas. O resgate tem sido mais rápido do que inicialmente se previu — autoridades chegaram a cogitar que poderia durar até quarta-feira (11). 

Ainda não há informações sobre o estado de saúde dos meninos que foram encaminhados de helicóptero ao hospital da cidade de Chiang Rai.

O grupo ficou preso na caverna, no norte da Tailândia, há 15 dias, após o percurso de saída do local ficar inundado devido à chuva forte. Desde então, o governo tem bombeado a água dos túneis para fora. O