Internacional Mulher acusa quatro policiais indianos de estupro

Mulher acusa quatro policiais indianos de estupro

A Índia vive uma onda de violência contra as mulheres

Uma mulher acusou nesta quinta-feira (12) quatro policiais de tê-la estuprado em uma delegacia do norte da Índia, em um novo caso de agressão sexual no Estado de Uttar Pradesh (norte) que provoca indignação.

A mulher disse ter sido agredida na noite de segunda-feira (9) na delegacia do distrito de Hamirpur, para onde havia se dirigido para pedir a libertação de seu marido.

"Às 23h30, quando não havia ninguém, o inspetor-adjunto me levou ao seu escritório e me estuprou", declarou a mulher à rede de televisão CNN-IBN.

Mulheres sob ameaça: indianas são vítimas de estupros, agressões e outros crimes brutais

Vídeo de abuso sexual coletivo no Egito em que jovem aparece nua causa revolta internacional 

Na quarta-feira (11) apresentou uma denúncia e explicou que a agressão ocorreu após sua rejeição em pagar um suborno para obter a libertação de seu marido.

"O procedimento seguirá seu curso, a vítima apresentou uma denúncia e o suspeito será detido em breve", declarou Virendra Kumar Shekhar, funcionário da polícia em Hamirpur.

Outra autoridade policial, Balbir Singh, declarou que a investigação era dirigida contra quatro policiais da delegacia.

Nas últimas semanas ocorreram no Estado de Uttar Pradesh — uma região pouco desenvolvida de 200 milhões de habitantes no norte da Índia — uma série de agressões a mulheres, entre elas, o estupro de duas meninas de 12 e 14 anos que foram encontradas enforcadas em uma árvore.

Paquistaneses que comeram corpo de bebê são condenados a 11 anos

Barras de ouro avaliadas em R$ 2 milhões são encontradas em banheiro de avião indiano

Indiano ataca duas jovens com ácido após ter proposta de casamento rejeitada

Últimas