Coronavírus

Internacional Mutação do coronavírus está fora de controle, diz ministro britânico

Mutação do coronavírus está fora de controle, diz ministro britânico

Matt Hancock disse ainda que as novas restrições impostas a milhões de pessoas na Inglaterra podem ficar em vigor por vários meses

  • Internacional | Do R7, com Reuters

Placa exibe mensagem sobre aumento de casos em Londres e pede cuidado aos habitantes

Placa exibe mensagem sobre aumento de casos em Londres e pede cuidado aos habitantes

Toby Melville -20.12.2020/Reuters

Após dizer em entrevista à BBC que a nova variante do coronavírus está fora de controle no Reino Unido, o ministro da Saúde Matt Hancock disse que as novas restrições impostas no sábado (19) a milhões de pessoas na Inglaterra podem ficar em vigor por vários meses.

Sob críticas por impor um bloqueio efetivo a mais de 16 milhões de pessoas poucos dias antes do Natal, Hancock disse que a decisão de sábado foi tomada rapidamente depois que novas evidências mostraram que a nova mutação era responsável pelo aumento dos casos de covid-19. O novo confinamento pode ficar em vigor até que as vacinas sejam disponibilzadas em todo o Reino Unido, disse o ministro neste domingo (20).

O primeiro-ministro Boris Johnson descartou os planos de flexibilizar restrições durante o período de festas de fim de ano, impondo novos limites de nível 4, o mais rígido.

Hancock sugeriu que as medidas mais duras - que exigem que cerca de um terço da população da Inglaterra permaneça em casa, exceto por razões essenciais, como o trabalho - podem permanecer em vigor até que as vacinas se tornem mais amplamente disponíveis.

"Temos um longo caminho a percorrer para resolver isso", disse Hancock em entrevista à Sky News.

Últimas