Número de casos de covid-19 chega a 13,5 milhões no mundo, diz OMS

Embora o contágio tenha diminuído na América, o continente mais afetado, a curva continua subindo em áreas como a África e o sul da Ásia

Segundo OMS, número de mortos é de 584.940

Segundo OMS, número de mortos é de 584.940

Reuters

Os casos globais de infecção pelo novo coronavírus chegaram hoje a 13,5 milhões, embora na última semana o contágio tenha diminuído na América, o continente mais afetado, enquanto a curva continua subindo em áreas como a África e o sul da Ásia.

Segundo dados da OMS (Organização Mundial da Saúde), o número de mortes causadas pela pandemia no planeta hoje é de 584.940, a maioria delas nas Américas (297 mil mortes) e na Europa (205 mil).

Os novos casos globais diários haviam caído nos últimos dias, mas nas últimas 24 horas voltaram a se aproximar do recorde de 230 mil, registrado no último fim de semana.

Por países, os Estados Unidos e o Brasil são os mais afetados, seguidos da Índia, que hoje ultrapassou a barreira de 1 milhão de casos, e da Rússia, com mais de 750 mil. Depois deles, aparecem, em ordem, Peru, Chile, México e África do Sul, todos eles com mais de 300 mil contágios em seus territórios.

Os dados das autoridades sanitárias nacionais apontam que 8,3 milhões das pessoas infectadas, cerca de 60% do total de casos no mundo, já foram curadas.