Rússia x Ucrânia

Internacional Putin autoriza início de operação militar na Ucrânia

Putin autoriza início de operação militar na Ucrânia

Presidente russo afirmou que a ação será feita para desmilitarizar o país vizinho

  • Internacional | Do R7, com AFP

O presidente russo Vladimir Putin fala durante seu discurso à nação, no Kremlin, em Moscou

O presidente russo Vladimir Putin fala durante seu discurso à nação, no Kremlin, em Moscou

Alexey Nikolsky/AFP - 21.02.2022

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, anunciou nesta quinta-feira (24) que autorizou uma operação militar no leste da Ucrânia. Em pronunciamento na TV, Putin afirmou que a ação visa desmilitarizar o país vizinhos, mas não ocupá-lo.

Segundo o presidente russo, a operação militar quer proteger a região de Donbas, no leste do país. Apesar da afirmação de Putin, correspondentes de agências internacionais relatam que houve explosões na capital Kiev.

O presidente também alertou que aqueles que "tentam interferir devem saber que a resposta da Rússia será imediata e levará a consequências que nunca conheceram".

"Tenho certeza de que os soldados e oficiais da Rússia cumprirão seu dever com coragem (...) A segurança do país está garantida", disse.

No pronunciamento, Putin também pediu que os ucranianos “larguem as armas e voltem para casa” e que os soldados que desistirem não serão atingidos. O presidente afirmou que se houver derramamento de sangue, será responsabilidade do governo ucraniano.

Nesta quarta-feira (23), o governo russo afirmou que os líderes das regiões separatistas do leste da Ucrânia pediram ao presidente Vladimir Putin "ajuda para combater a agressão" do Exército ucraniano.

R7

Últimas