Novo Coronavírus

Internacional Reino Unido está apreensivo com variante do coronavírus da Índia

Reino Unido está apreensivo com variante do coronavírus da Índia

Boris Johnson afirmou que não descarta que países retomem restrições locais de circulação nas próximas semanas

Boris afirmou que serão feitas reuniões para decidir próximas etapas da flexibilização na região

Boris afirmou que serão feitas reuniões para decidir próximas etapas da flexibilização na região

Parlamento do Reino Unido/Jessica Taylor/Divulgação via REUTERS

O Reino Unido teme a disseminação da variante do novo coronavirus detectada primeiramente na Índia, e não descarta nada no que diz respeito a retomar restrições locais, disse o primeiro-ministro, Boris Johnson, nesta quinta-feira (13).

Johnson delineou uma rota de saída do lockdown "cautelosa, mas irreversível" para a Inglaterra, e a próxima etapa está planejada para a próxima semana. Ele alertou que novas variantes, como a B.1.617.2, ameaçam este plano.

"Estamos apreensivos com ela, ela está se disseminando", disse Johnson, acrescentando que haverá reuniões ainda nesta quinta-feira para debater o que fazer. "Não estamos descartando nada", garantiu.

Houve uma disparada de casos da variante no noroeste da Inglaterra, e políticos locais pedem uma mudança de diretriz para que todo adulto da área possa receber uma vacina, mesmo que não cumpra os critérios que priorizam por faixa etária.

O conselho local da cidade de Blackburn disse que clínicas de vacinação contra covid-19 adicionais serão abertas na semana que vem para acelerar a inoculação, mas negou reportagens segundo as quais vacinas estarão amplamente disponíveis para todas as pessoas acima de 18 anos da área, dizendo que a habilitação para se vacinar seguirá a diretriz atual.

Depois do lockdown de covid-19 inicial da Inglaterra, Johnson buscou uma abordagem regional para restrições que acabou não funcionando, e mais dois lockdowns nacionais foram adotados.

Últimas