Novo Coronavírus

Internacional Reino Unido passa de 100 mil mortos por covid-19

Reino Unido passa de 100 mil mortos por covid-19

País é o 5º do mundo a ultrapassar a marca, depois de EUA, Brasil, Índia e México; em apenas três semanas, foram 25 mil mortos

Boris Johnson diz ter feito todo o possível para reduzir os danos da pandemia

Boris Johnson diz ter feito todo o possível para reduzir os danos da pandemia

Neil Hall / EFE - EPA - Arquivo

Nesta terça-feira (26), o Reino Unido se tornou o quinto país do mundo — depois dos EUA, Brasil, Índia e México — a ultrapassar a marca de 100 mil mortes causadas pela covid-19 e suas complicações. Os britânicos também têm o quinto maior número de infecções pelo novo coronavírus: cerca de 3,7 milhões.

Leia também: Nova Zelândia manterá fronteiras fechadas durante o ano

O ritmo em que o número de óbitos cresceu no país é impressionante: em apenas 3 semanas, o total de vítimas fatais da pandemia no país subiu de 75 mil para os atuais 100 mil, um aumento de mais de 33% na estatística.

Em uma coletiva, o primeiro-ministro Boris Johnson garantiu que o governo tem feito "de tudo" para aliviar o impacto da doença no país e anunciou que o Reino Unido já vacinou, desde o final de dezembro, mais de 6,8 milhões de pessoas.

"É difícil compreender a tristeza por trás desses números, o luto de quem não pôde nem ao menos se despedir", disse Johnson. "A coisa mais importante que podemos fazer para honrar a memória dos que morreram é trabalhar juntos com ainda mais determinação para derrotar essa doença".

Últimas