Internacional Reino Unido revoga licença de TV estatal chinesa no país

Reino Unido revoga licença de TV estatal chinesa no país

Decisão aconteceu porque o órgão regulador considerou que o canal tem programação decidida pelo Partido Comunista Chinês

TV chinesa não poderá mais operar no Reino Unido

TV chinesa não poderá mais operar no Reino Unido

Reprodução

O Ofcom, órgão que regulamenta as licenças de funcionamento de emissoras de televisão no Reino Unido anunciou, nesta quinta-feira (4) que revogou a permissão para transmissão da televisão estatal chinesa em inglês CGTN (China Global Television Network), a antiga CCTV, no país.

Segundo o comunicado, a Star China Media Limited (SCML) empresa que é titular da licença no país não tem o controle editorial nem das operações da CGTN, que é transmitida por assinatura no país.

"Dessa maneira, a SCML não preenche o requisito legal de ter o controle sobre o serviço e, portanto, não é uma licenciada legal", diz a nota.

De acordo com a Ofcom, esse controle é exercido pela China Global Television Network Corporation e essa empresa não poderia ser a titular da licença porque "ela é controlada pelo Partido Comunista Chinês, algo que é proibido pelas leis de telecomunicações do Reino Unido".

Além disso, o órgão afirma que as diversas consultas que foram feitas às empresas não foram respondidas ou vieram com informações importantes faltando. Entre outras críticas, a CGTN recebeu uma multa da Ofcom por sua cobertura parcial dos protestos em Hong Kong.

Últimas