Novo Coronavírus

Internacional Rússia admite ter 27,4% mais mortes por covid-19 que divulgado

Rússia admite ter 27,4% mais mortes por covid-19 que divulgado

Agência de estatísticas relatou aumento dramático no número de óbitos, o que causou desconfiança sobre dados do governo

  • Internacional | Da EFE

Rússia admite ter mais mortos por covid-19

Rússia admite ter mais mortos por covid-19

Anatoly Maltsev/EFE/EPA - 21.12.2020

A Rússia admitiu nesta quarta-feira (30) que teve 70.921 mortes por covid-19 desde o início da pandemia, 27,4% a mais que os números divulgados pelas autoridades de saúde do país (56.426).

"Estas 70.921 mortes foram causadas diretamente pela covid, (diagnóstico) confirmado oficialmente e que não levanta dúvidas", disse a vice-primeira-ministra Tatiana Golikova à rede de televisão pública do país.

Segundo a política, outras 45.109 pessoas infectadas por coronavírus morreram devido a outras doenças.

Golikova fez a declaração depois que a agência estatal de estatísticas, Rosstat, relatou um aumento dramático da mortalidade nos primeiros 11 meses do ano de 13,9%, o que levantou suspeitas sobre a contagem oficial de mortes durante a pandemia.

Ela explicou que nos próximos meses o número de mortes pode sofrer "certas correções", já que novos dados de autópsias são recebidos diariamente.

Quanto às 45.109 pessoas infectadas pelo coronavírus que morreram de outras doenças, a vice-primeira-ministra declarou que os óbitos se deveram a patologias dos sistemas cardiovascular, endócrino e respiratório.

"Para avaliar a situação, levamos em conta estes 45.109 casos como mortalidade influenciada pela covid e suas sequelas", disse.

Últimas