Rússia x Ucrânia

Internacional Rússia aplica sanção ao falecido pai de Biden, e não ao atual presidente dos EUA

Rússia aplica sanção ao falecido pai de Biden, e não ao atual presidente dos EUA

Lista anunciada pelo Kremlin conta com Joseph Robinette Biden, porém líder americano ainda possui Junior como último sobrenome

Agência EFE
Presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, durante discurso na Casa Branca

Presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, durante discurso na Casa Branca

Chip Somodevilla/Getty Images North America/Getty Images via AFP - 15.3.2022

A Casa Branca minimizou nesta terça-feira (15) a importância das sanções anunciadas pela Rússia contra o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, e outros americanos, e ironizou ao dizer que Moscou parece ter errado o alvo ao impor restrições.

A porta-voz da Casa Branca, Jen Psaki, lembrou que o nome completo do presidente americano é Joseph Robinette Biden Junior, porque seu pai tem o mesmo nome, e que o Junior não aparece na lista de sanções anunciada pela Rússia.

"O presidente é Junior, então pode ser que tenham sancionado o pai dele. Que descanse em paz", disse Psaki em entrevista coletiva. A porta-voz de Biden, que também está na lista de sanções, minimizou o impacto do anúncio de Moscou.

"Não surpreenderá ninguém saber que nenhum de nós está planejando viagens turísticas à Rússia e que nenhum de nós tem contas bancárias que não possa acessar. Então vamos superar isto", concluiu a porta-voz.

Além de Biden e Psaki, a lista dos sancionados pela Rússia inclui o secretário de Estado americano, Antony Blinken, o secretário de Defesa, Lloyd Austin, e o presidente do Estado-Maior Conjunto, Mark Milley, assim como o assessor de segurança nacional de Biden, Jake Sullivan.

Também estão na lista o diretor da CIA, William Burns, e outros quatro altos cargos da gestão Biden, incluindo a diretora da Agência Americana para o Desenvolvimento Internacional (USAID, na sigla em inglês), Samantha Power, além do filho de Biden, Hunter, e a ex-secretária de Estado e candidata presidencial democrata Hillary Clinton, que reagiu em tom de brincadeira à notícia de que tinha sido sancionada.

"Quero agradecer à Academia Russa por este prêmio pelas conquistas de toda uma vida", brincou Clinton em mensagem publicada na sua conta oficial no Twitter.

O anúncio de Moscou é uma retaliação às sanções impostas pelos EUA devido à invasão russa à Ucrânia, afetando entre outros, o presidente russo, Vladimir Putin, e o ministro das Relações Exteriores, Sergey Lavrov.

As sanções impostas por Moscou incluem a proibição de Biden e dos membros do seu governo incluídos na lista de entrar no território russo.

Últimas