Novo Coronavírus

Internacional Rússia já vacinou mais de 800 mil pessoas contra covid-19

Rússia já vacinou mais de 800 mil pessoas contra covid-19

Segundo ministério da Saúde russo,  mais de 1,5 milhão de doses da vacina já foram enviadas para diferentes regiões do país

Mais de 800 mil pessoas foram vacinadas na Rússia

Mais de 800 mil pessoas foram vacinadas na Rússia

Maxim Shemetov/Reuters

O ministro da Saúde da Rússia, Mikhail Murashko, anunciou neste sábado (2º) que mais de 800 mil pessoas já foram vacinadas contra o novo coronavírus, com a Sputnik V e com a EpiVacCorona, agentes imunizantes que foi produzido no país.

O integrante do governo do presidente, Vladimir Putin, divulgou a informação durante uma visita à cidade de Tver, segundo veiculou a agência de notícias de Interfax.

Murashko explicou que a campanha de vacinação contra o novo coronavírus, que começou no dia 15 de dezembro, está se desenvolvendo "muito ativamente".

Além disso, segundo o ministro da Saúde, mais de 1,5 milhão de doses da vacina já foram enviadas para diferentes regiões do território russo.

Inicialmente, a campanha era feita com a Sputnik V, a primeira vacina registrada no mundo, mas dias atrás, a EpiVacCorona também de fabricação nacional, foi incluída no processo de imunização.

Segundo a vice-primeira-ministra da Rússia, Tatiana Golikova, as duas vacinas, totalmente distintas pelo princípio de elaboração, não provocam reações adversas. Atualmente, a pessoa vacinada pode escolher qual irá receber.

O país é o quarto do mundo com mais casos de infecção pelo novo coronavírus, com 3.212.637, atrás apenas de Estados Unidos, Índia e Brasil.

O número de mortos oficial é de 58.002, embora Golikova tenha apontado, na última terça-feira, que o número real pode ser superior a 71 mil.

Últimas