Novo Coronavírus

Internacional Rússia tem maior número de mortos desde início da pandemia

Rússia tem maior número de mortos desde início da pandemia

País registrou 432 óbitos, superando recorde da semana passada, de 389 falecimentos e mais de 19,8 mil novos casos de coronavírus

  • Internacional | Da EFE

Rússia tem recorde de mortos por covid-19

Rússia tem recorde de mortos por covid-19

Maxim Shemetov/Reuters - 7.11.2020

A Rússia registrou nesta quarta-feira (11) a notificação de 432 mortes por covid-19, o maior número em um mesmo dia desde o início da propagação do novo coronavírus, segundo informou balanço divulgado pelas autoridades locais.

Até hoje, a quantidade mais alta de vítimas da doença em uma mesma data havia sido os 389 da última quarta-feira.

O total de óbitos no país por covid-19, com a atualização de hoje, sobe para 31.593.

Ainda de acordo com o balanço desta quarta-feira, foram notificados mais 19.851 casos do novo coronavírus, o que eleva a cifra desde o início da pandemia para 1.836.960.

Moscou, o principal foco da propagação da doença no país registrou hoje mais 4.477 infecções e outras 73 mortes. Só na capital do país, 7.502 pessoas faleceram por causa da covid-19.

Restrições em Moscou

Ontem, o prefeito da cidade, Sergey Sobyanin, anunciou uma série de medidas para limitar o funcionamento de instituições educacionais e alguns serviços oferecidos à população.

Estudantes do ensino médio e universitários passaram a ter aulas à distância. Enquanto isso, deverão ficar o maior tempo possível em casa, com saídas reduzidas à rua.

Restaurantes, boates, entre outros estabelecimentos semelhantes só poderão funcionar até 23h (hora local). Salas de cinema, teatro, de música, só poderão ter ocupação de até 25% da capacidade. Eventos esportivos são acontecerão com autorização prévia das prefeituras.

Últimas