Internacional Tiroteio em escola no Tennessee deixa diversos feridos, diz polícia

Tiroteio em escola no Tennessee deixa diversos feridos, diz polícia

Pelo menos um estudante teria morrido no local e um policial foi ferido, segundo informações preliminares

  • Internacional | Do R7

Policiais cercaram a escola Austin-East Magnet, em Knoxville

Policiais cercaram a escola Austin-East Magnet, em Knoxville

Polícia de Knoxville via Twitter

Um tiroteio, por volta das 15h no horário local (17h no horário de Brasília) deixou diversos feridos, inclusive um policial, nesta segunda-feira (12), em uma escola secundária em Knoxville, no estado do Tennessee (EUA).

Segundo o site Knox News, duas fontes anônimas afirmaram que um jovem teria morrido no local e que o policial foi baleado. A informação ainda não foi confirmada oficialmente. Um suspeito foi detido pela polícia.

"Policiais de diversas agências estão na cena de um tiroteio na escola secundária Austin-East Magnet. Há relatos de diversas vítimas de tiros, incluindo um policial do Departamento de Polícia de Knoxville. A investigação segue em atividade. Por favor, evitem a área", publicou o perfil oficial da polícial de Knoxville, no Twitter.

O superintendente das escolas da região, Bob Thomas, disse também no Twitter que o prédio onde aconteceu o tiroteio já estaria seguro. "Os estudantes que não estavam envolvidos no incidente já foram liberados e estão com suas famílias", afirmou ele.

Onda de crimes

A escola Austin-East Magnet, na zona leste de Knoxville, onde aconteceu o crime, teve pelo menos quatro estudantes adolescentes mortos a tiros apenas entre o fim de janeiro e o início de março deste ano.

Justin Taylor, 15, morreu em 27 de janeiro após ser atingido pelo que a polícia afirmou que foi um tiro acidental, disparado por um amigo dele, de 17 anos, dentro de um carro. O amigo foi preso, acusado de homicídio culposo, quando não há intenção de matar.

Outro estudante, Stanley Freeman Jr, 16, foi baleado e morto enquanto voltava para casa em 12 de fevereiro. Dois adolescentes, de 14 e 16 anos, foram detidos acusados de assassinato.

Janaria Muhammad, 15, que tinha acabado de se matricular na Austin-East, foi encontrada baleada e morta do lado de fora de sua casa em Knoxville, em 16 de fevereiro.

Em 10 de março, Jamarion Gillette, 15, morreu no hospital. Ele tinha sido encontrado no dia anterior em uma trilha, com um ferimento causado por arma de fogo.

Últimas