Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

'Totalmente ilegal', diz presidente Joe Biden sobre prisão de jornalista americano na Rússia

Evan Gerschkovich, correspondente do Wall Street Journal, é acusado de espionagem para o governo americano

Internacional|Do R7


Biden contatou, sem sucesso, a família do jornalista Evan Gerschkovich na segunda-feira (10)
Biden contatou, sem sucesso, a família do jornalista Evan Gerschkovich na segunda-feira (10)

O presidente Joe Biden chamou a prisão, na Rússia, do jornalista americano Evan Gershkovich, por acusações de espionagem, de "totalmente ilegal".

"Estamos deixando bem claro que o que está acontecendo é totalmente ilegal e o declaramos dessa forma. Isso muda a dinâmica", disse Biden a repórteres ao deixar Washington para uma viagem à Irlanda e à Irlanda do Norte.

O presidente afirmou ter contatado, sem sucesso, a família do correspondente do Wall Street Journal na segunda-feira (10).

"Liguei para eles ontem, e tivemos ligações perdidas. Vou tentar contatá-los do avião", disse ele.

Publicidade

O Departamento de Estado, na segunda-feira, classificou formalmente o jornalista como "detido injustamente" — situação que põe o caso nas mãos do enviado especial para reféns, Roger Carstens.

Gershkovich, correspondente sênior do Wall Street Journal na Rússia, foi detido em Yekaterinburg, cerca de 1.800 quilômetros a leste de Moscou.

Agências de notícias russas informaram na última sexta-feira (7) que o repórter foi acusado de espionagem, uma alegação que tanto Gershkovich quanto seu jornal negam.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.