Era Trump

Internacional Trump contrata novos advogados para julgamento de impeachment

Trump contrata novos advogados para julgamento de impeachment

Empresário é acusado de incitar insurreição que terminou com 5 mortes e 2 suicídios. Antiga equipe teve divergências com Trump

Trump contrata advogados para processo de impeachment

Trump contrata advogados para processo de impeachment

Al Drago/EFE/EPA - 20.01.2021

O ex-presidente dos Estados Unidos Donald Trump contratou dois novos advogados para fazer sua defesa no processo de impeachment no Senado do país. O anúncio da contratação de David Schoen e Bruce Castor vem após divergências na antiga equipe de defesa.

"A força da nossa Constituição será colocada à prova como nunca na nossa história. A sua força triunfará mais uma vez", disse Castor em nota sobre a nova função.

Segundo a mídia norte-americana, a antiga equipe se negou a focar a defesa nos apelos infundados de fraude nas eleições, querendo manter a atenção apenas na falta de inconstitucionalidade do processo feito até o momento. Os ritos, segundo os antigos advogados, foram acelerados de maneira incorreta.

Não se sabe exatamente se os novos defensores usarão a retórica de Trump no Senado, que deve julgar o caso a partir de 8 de fevereiro. Os dois apenas informaram que consideram o processo "inconstitucional".

Trump é acusado de incitação à insurreição por conta da invasão de seus apoiadores no Capitólio no dia 6 de janeiro. Além de danos materiais, o ataque deixou cinco mortos - além do suicídio de dois agentes e de um acusado.

No entanto, é quase improvável que o Senado condene o ex-presidente pela ação e faça com que ele perca os seus direitos políticos. Seriam necessários 16 republicanos, unidos aos 50 democratas, para aprovar o processo. Até o momento, apenas cinco se opuseram com mais veemência a Trump.

Últimas