Era Trump

Internacional Trump diz que vai designar Antifa como organização terrorista

Trump diz que vai designar Antifa como organização terrorista

Anúncio acontece durante uma onda de protestos no país contra o racismo e a brutalidade policial após o assassinato de um homem negro

Reuters
Trump vai designar grupo Antifa como terrorista

Trump vai designar grupo Antifa como terrorista

Jonathan Ernst/Reuters - 30.5.2020

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse neste domingo (31) que o governo norte-americano designará o grupo antifascista Antifa como uma organização terrorista.

O anúncio, feito por Trump no Twitter, ocorre em meio a violentos protestos em todo o país contra a brutalidade policial depois que a morte de um homem negro sem conseguir respirar enquanto um policial branco de Minneapolis se ajoelhava sobre seu pescoço foi registrada em vídeo e viralizou.

O procurador-geral dos EUA, William Barr, disse no sábado que "radicais e agitadores externos" sequestraram protestos nas cidades dos EUA por causa do assassinato. "Grupos de radicais e agitadores externos estão explorando a situação para buscar sua agenda própria e separada", disse Barr em comunicado filmado.

Não está claro quantos manifestantes, se há algum, participando de atos em todo o país são da Antifa.

John Harrington, chefe do Departamento de Segurança Pública de Minnesota, disse em entrevista coletiva neste domingo que cerca de 20% dos registros de prisão de sábado eram de pessoas de fora do Estado, embora ele ainda não tivesse em mãos o total das detenções da noite de sábado.

O tuíte de Trump neste domingo não é a primeira vez que o presidente descreve a Antifa como um grupo terrorista. Outros políticos conservadores, como o senador do Texas Ted Cruz, fizeram declarações semelhantes.

Últimas