Trump: eventos na Bolívia mandam sinal para Venezuela e Nicarágua

Presidente dos EUA comentou renúncia de Evo Morales e aproveitou para dar recado ao que considera 'regimes ilegítimos' na América Latina

Trump publicou comunicado sobre Bolívia

Trump publicou comunicado sobre Bolívia

REUTERS/Tom Brenner

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse nesta segunda-feira que a renúncia de Evo Morales como presidente da Bolívia preserva a democracia naquele país e envia um sinal para "regimes ilegítimos" na Venezuela e na Nicarágua.

"A renúncia ontem do presidente boliviano Evo Morales é um momento significativo para a democracia no Hemisfério Ocidental", afirmou Trump em comunicado. "Esses eventos enviam um forte sinal aos regimes ilegítimos da Venezuela e da Nicarágua de que a democracia e a vontade do povo sempre prevalecerão."